•  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Comprar pela internet é algo que faz parte do cotidiano de boa parte das pessoas hoje em dia. Uma pesquisa realizada pela consultoria PwC mostrou que o número de consumidores brasileiros que diz comprar online regularmente, ou seja, pelo menos uma vez por mês, chegou a 65% e vem crescendo. Isso significa que quase 7 a cada 10 brasileiros compram através da internet. Mas como confiar se um site é seguro ou não para realizar compras online?

Em momentos como a Black Friday e outros eventos, é normal que aumente o risco do consumidor se deparar com lojas pouco confiáveis e ofertas que nem existem, portanto, redobre a atenção nestes períodos!

compras online
Até dando uma olhadinha no celular encontramos ofertas. (Foto: Rawpixel/Unsplash)

Segurança nas compras online

Para começar, lembre-se de não clicar em links ou banners que pareçam estranhos. Caso uma boa oferta apareça em sua tela ou e-mail, mas venha de algum site do qual nunca ouviu falar, primeiramente pesquise este site no Google sem o prefixo http:// e verifique o que aparece na pesquisa.

Depois, vale a pena checar se o site tem algum responsável ou uma sessão “sobre” que explique mais sobre ele. Tente pesquisar se há alguns dados disponíveis, como CNPJ ou telefone, e cheque se realmente são verdadeiros antes de comprar.

Também vale dar preferência a sites que você já sabe que são confiáveis na hora de comprar online ou indicação de conhecidos. E se a oferta parecer inacreditável demais, desconfie!

compras online
Cuidado com ofertas surreais. (Foto: Dai Ke/Unsplash)

O que fazer antes de comprar

Para te ajudar a não cair em armadilhas na hora das compras online, pedimos algumas dicas extras para Rodrigo Ricco, CEO e fundador da Octdesk, startup desenvolvedora de sistemas voltados para a gestão de relacionamento com clientes. Confira o que ele recomenda:

1) Confirme a presença de um cadeado ao lado da URL do site, ou seja, do endereço da página.
2) Verifique se há selo de segurança de empresas como a Certisign, por exemplo.
3) Alguns elementos costumam passar credibilidade, como o design do site, ainda que não estejam ligados diretamente à segurança na hora da compra. De qualquer forma, dê uma olhada se o site parece bem feito e confiável (mas não use apenas este critério para comprar, ok?).
4) Cheque em sites como o Trust Vox e Reclame Aqui as opiniões dos consumidores a respeito das lojas, ou seja, a sua reputação.

Formas de pagamento

Para não perder o controle, o que acha de usar um cartão pré-pago? É uma opção segura, fácil de adquirir e simples de usar. Tem até um cartão pré-pago que é exclusivo para comprar na internet, é o cartão Acesso Virtual.